NADA tudo é grana o que liberta e encana tudo é grana do que consome e vende drogas tudo é grana do alimento assaltado ao mercado abonado tudo é grana da cruz da mala à testa sou poeta minha bala é de tinta imagens, de fogo e coração que arde Lib(v)erdades! Carmen Silvia Presotto – […]

Leia mais →