Para um bom anoitecer, um poema de Lara de Lemos… ! LEGADO Para Laury Maciel Recuso-me a herança deste poço vazio deste lodo legado em negligências. Engulo a seco e calo. Aposto em cada poema — único engenho ainda não vencido. Proponho rubros jogos olhos atentos para o imaginário. Ases de puro ouro — naipes […]

Leia mais →

Sigo lendo [um amor feliz] de Wislawa Szymborska, que poeta que poema “Nada duas vezes”, busquem o livro… bom entardecer a todos! Nada duas vezes (Nic dwa razy) Nada acontece duas vezes nem acontecerá. Eis nossa sina Nascemos sem prática e morreremos sem rotina. Mesmo sendo os piores alunos na escola deste mundão, nunca vamos […]

Leia mais →